Página inicial Direito O que faz um profissional de Relações Internacionais?

O que faz um profissional de Relações Internacionais?

0
253

“Relações Internacionais? É só para negociar com os caras de outro país, né? ”

– Seu tio na ceia de Natal

Sou capaz de apostar: até você já pensou isso sobre o curso de Relações Internacionais em algum momento. Não é mesmo? Embora negociação seja uma das atividades mais importantes da área, um profissional de R.I. pode ir muito além. Vem comigo que eu te explico melhor!

via GIPHY

Quando o assunto é o campo de atuação dos profissionais formados em Relações Internacionais, o que não falta é opção.

No setor público… 

O profissional que escolhe trabalhar no setor público pode prestar concurso para diferentes funções, que vão desde a área diplomática (embaixadas e consulados) até a área de planejamento de ações governamentais.

Nas esferas estadual e municipal também há um espacinho para os internacionalistas, que são contratados para exercer funções voltadas para negociação de acordos, importações, exportações e suporte ao setor turístico.

No setor privado… Já no setor privado, os profissionais de Relações Internacionais podem se tornar representantes de alguma empresa (auxiliando em negociações com multinacionais e bancos, por exemplo) ou trabalhar em grandes associações comerciais.

Sim, tudo isso é muito interessante, mas você sabe como os estudantes são preparados para assumir missões como essas que foram apontadas aí em cima?  Por meio de aulas de língua estrangeira, simulados de negociação, aulas imersão cultural, discussões sobre política internacional etc.

Fora isso tudo, o curso de Relações Internacionais também conta com uma bagagem (pegou o trocadilho?) de fundamentos das áreas de Economia, Direito, Administração e até de História.

É conteúdo que não acaba mais…

E para completar este texto repleto de curiosidades, aí vão algumas informações sobre as skills dos internacionalistas… Será que você as tem?

Um profissional de Relações Internacionais é um mestre da comunicação, inclusive em outras línguas. Além disso, ele também possui uma ótima capacidade de memorização – o que é essencial para lidar com códigos de leis –, e de relacionamento.

Enfim, com este conteúdo, acho que fica mais fácil para decidir se Relações Internacionais é ou não um curso que combina com seu perfil. Agora, é só ficar de olho nas próximas publicações do Faz Aí para desvendar mais segredos dessa profissão.

Leia também: 6 dicas do que fazer antes de uma prova 10/10.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here