Página inicial Dicas Intercâmbio sem complicação: a gente te ensina como

Intercâmbio sem complicação: a gente te ensina como

0
631

Todo mundo gosta de viajar, não é mesmo? Agora, já pensou em unir aquela viagem incrível que você sempre quis fazer a um período de estudos que tornará sua experiência na universidade ainda mais enriquecedora? E se a gente te disser que, sim, é possível, e bem mais fácil do que você imagina?

via GIPHY

Descubra como fazer um intercâmbio sem complicações, para carimbar no passaporte (e no currículo) uma grande história.

Defina o idioma que você quer aprender

O primeiro passo para dar início a um intercâmbio é descobrir qual idioma você quer aprender ou aprimorar. É importante você já ter uma noção do idioma escolhido. Geralmente, o nível exigido é o intermediário, para que você possa aproveitar ao máximo todas as experiências.

Escolha o tipo de intercâmbio

Existem vários tipos de intercâmbio que você pode escolher. Estudo, voluntariado e trabalho são alguns deles. Em todos, você vivencia uma cultura diferente, adquire inúmeros aprendizados e participa de uma experiência transformadora. Se seu objetivo for estudo, durante a faculdade, você pode se candidatar a um programa de intercâmbio para enriquecer sua trajetória acadêmica.

Troque uma ideia com a Área Internacional de sua universidade

Algumas universidades possuem parcerias com instituições estrangeiras e um programa próprio de intercâmbio. Dependendo do programa, você não paga o curso fora, nem a mensalidade no Brasil, sendo responsável apenas pelos custos da viagem. Legal, não?! Para conhecer todas essas oportunidades e encontrar a melhor opção para você, entre em contato com a Área Internacional de sua universidade.

Escolha o país de destino

Uma das tarefas mais difíceis de todo o planejamento do intercâmbio é a escolha do país. Pesquise bastante sobre o estilo de vida do local para ver se dá match com seu perfil. Também é importante definir seu principal objetivo e a área de conhecimento que você deseja aprimorar.

Documentação necessária

Após escolher o país, é hora de checar se todos os documentos necessários estão em dia. A lista de exigências depende do local para onde você está indo e da instituição onde realizará o curso, mas, geralmente, os documentos pedidos são: passaporte, visto, histórico acadêmico, confirmação de vacinas e carta de aceitação.

Faça um planejamento financeiro

Com planejamento, é possível encaixar todos os gastos em seu orçamento. Algumas despesas são essenciais, então coloque tudo no papel para não esquecer:

  • Passagem aérea;
  • Variação cambial;
  • Passaporte;
  • Visto (se for exigido pelo país de destino);
  • Seguro saúde;
  • Acomodação;
  • Alimentação;
  • Mensalidade do curso;
  • Transporte;
  • Custos extras.

via GIPHY

Converse com o coordenador de seu curso

A escolha do programa de intercâmbio pode aumentar a duração de seu curso no Brasil, mas tudo depende de como funciona a parceria entre a instituição e sua universidade. Antes de viajar, você pode trocar uma ideia com seu coordenador e avaliar as disciplinas das duas grades curriculares. Se tiverem disciplinas equivalentes, você cursa fora do país e não precisa fazer novamente aqui no Brasil.

Agora que você já definiu o principal, é hora de correr atrás dos demais detalhes de sua viagem. Definir passagens, acomodação, como você irá se locomover por lá, e pesquisar tudo o que você quer fazer e lugares que quer conhecer durante seu período de intercâmbio.

Seguindo esses passos, você estará pronto para embarcar e fazer uma das melhores viagens de sua vida. Enjoy the ride!

via GIPHY

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here